Categorias
Novo Testamento

Mateus 1

Livro da geração de Jesus, o cara. Da descendência de Davi e também de Abraão. Depois de Abraão muito sexo foi feito e muitas crianças nasceram por conta disso. Essas crianças cresceram, se tornaram adultos e também fizeram mais sexo ainda. Até que quarenta e uma gerações se passaram e nasceu um cara muito joia chamado José.

Esse tal de José era especial, porque quando a dona Maria (sua noiva) apareceu dizendo que tava grávida do Espírito Santo, embora a história cheirasse a chifre, ainda assim ele foi paciente, tendo resolvido terminar o noivado discretamente. Só que naquela noite um anjo apareceu no meio de um sonho e, de maneira bem convincente, o persuadiu a aceitar a missão de ser pai do filho de Deus. Eita homem santo esse tal de José!

O moleque, que se chamaria Jesus, além de nascer de uma virgem (pra não desmentir a profecia), também viria pra salvar o povo das cagadas deles.
José, cabra macho e obediente, não transou com a dona Maria até que nascesse o menino que o ultrassom celestial havia prometido.

5 respostas em “Mateus 1”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Faz a conta aí pra evitar Spam 12 − 10 =