Mateus 12

09/02/2013

Num certo sábado, Jesus estava passando por umas plantações de milho. Resolveram então colher umas espigas pra comer na hora mesmo (quem tem pressa, come cru). Quando os religiosos viram a galera toda descascando milho e comendo, implicaram dizendo que isso não era permitido de se fazer no sábado.

Jesus então respondeu: "Quando Davi tava com fome, entrou no templo e filou a bóia que tinha no altar, que só os sacerdotes tinham permissão pra comer. Não perceberam que os sacerdotes violam esse papo furado de guardar sábado toda semana e Deus nem se importa com isso? Paquitos... Eu sou mais importante que o templo inteiro. Se percebessem que importante é sentir a dor do outro e não provocar mais dor, então não ficariam aí perturbando e atrapalhando toda essa galera gente boa. A propósito, quem manda no sábado sou eu. Achou ruim, reclama no Procon".

Vazando dali, Jesus foi pro templo dos mesmos caras. Aproveitando que tinha um sujeito maneta por lá, os religiosos novamente trouxeram à discussão essa besteira sobre o sábado. Afinal, podia curar o sujeito ou não? Jesus então disse: "Se seu carro ficar sem gasolina num sábado, você empurra até o posto ou deixa ele parado até o dia seguinte? Pois é claro que ninguém vai deixar o carro dando sopa pra ser roubado. Saibam que esse sujeito da mão zoada, assim como qualquer outra pessoa, vale mais do que um carro". Então virou ao homem e mandou: "Ae dom... estica a mão e dá tchauzinho pra galera!". E na mesma hora o cara esticou a mão normalmente e ela ficou tão boa quanto a outra.

Os religiosos ficaram tão putos, que já fizeram uma reuniãozinha pra armarem um jeito de contratarem um jagunço pra matar Jesus. Como Jesus não era bobo nem nada, sacou a sacanagem e tirou o time de campo na mesma hora. E uma galera foi junto, de curiosa que eram... e ele curou todo mundo que compareceu.

Embora Jesus fazia coisas sinistras, ele sempre pedia ao povo que não o dedassem pros religiosos. Tudo isso pra não desmentir outra profecia, de Isaías, que dizia que o Cristo andaria no meio do povo perdido, e seria discretíssimo até que a hora de julgar o mundo chegasse. A profecia também dizia que Ele seria a esperança dos perdidos.

Trouxeram então um outro encapetado, dessa vez cego e mudo (engraçado como eles vão ficando cada vez pior!). Jesus fez um limpa no sujeito, e além de desencapetado, ele passou a ver e falar normalmente. O povo, delirando com tudo que assistia, começou a comentar se Jesus não seria o Cristo. Mas os religiosos, de invejosos que eram, soltaram o boato de que o poder de Jesus era do próprio diabo.

Conhecendo Ele a malandragem dos caras, disse: "Galera... um time de futebol não pode vencer dividido. Ou todo mundo joga pra ganhar, ou então os três pontos ficam pro adversário. Se o diabo tá gastando pólvora pra combater as próprias coisas dele, como então ele vai se garantir? E se eu expulso os capetas pelo poder do diabo, vocês expulsam como? Prestem atenção, palhaços. Eu expulso os capetas pelo Espírito de Deus, e isso é pra não reste dúvida de que o Reino de Deus chegou."

E ainda disse mais: "Como que entra ladrão na casa do Anderson Silva com ele lá dentro? Tem que ser muito macho. Quem não tá do meu lado, é meu inimigo. Pra qualquer porcaria que vocês fizerem, eu descolo perdão de boa. Mas quem zoar o Espírito Santo, esse não vai ser perdoado, nem agora e nem nunca. Pelo que produzem, saberemos que tipo de árvore vocês são. Cambada de safados! Nem dá pra esperar que vocês falem coisas legais, por que vocês não prestam. A boca fala o que tem guardado no coração. E eu vou ferrar vocês pelas palavras que botarem pra fora desses corações imundos aí".

Os religiosos, tentando testar Jesus, pediram que ele fizesse alguma mágica pra mostrar seu poder (como se tudo que Ele já tinha feito não fosse suficiente). A isto, Jesus respondeu: "Não vou perder meu tempo fazendo mágica pra impressionar malandro. Lembrem disso aqui ó: igual Jonas ficou 3 dias na barriga da baleia, eu vou ficar 3 dias a sete palmos do chão. E a galera do tempo de Jonas vai zoar vocês no fim do mundo, por que eu sou maior que Jonas, mas nem assim vocês acreditam no que eu digo. Até a rainha que saiu lááááááá da Etiópia pra aprender da sabedoria de Salomão, vai zoar vocês no último dia. Pois eu tenho mais moral que Salomão e nem assim vocês me consideram."

"Quando os capetas são expulsos, procuram um lugar pra ir. Se não acharem, voltam e ainda trazem uns companheiros pra fazer uma festinha particular. Assim o sujeito vira um pudim de capeta. E é isso que vai acontecer com a geração de vocês".

Enquanto ainda dava esse esporro na galera, apareceu dona Maria (sua mãe) e seus meio-irmãos (filhos de dona Maria e seu pai de criação, José), querendo conversar alguma coisa. Os caras aproveitaram a oportunidade e interromperam o assunto: "Aí Jesus, sua mãe e seus irmãos tão aí querendo trocar uma ideia com você". Jesus respondeu na lata: "Quem que é minha mãe e meus irmãos?". E abraçando os trutas que estavam perto, disse: "Quem obedece a Deus, esse é da minha família. O resto é imitação."

Por Ariovaldo Jr - contato@bibliafreestyle.com.br

COMPARTILHE: