Lucas 4

01/03/2013

Voltando do rio Jordão, o Espírito Santo que o havia enchido fez ele dar um passeio lá pelo deserto. E ficou lá 40 dias aguentando pressão do diabo, com propostas tentadoras pra tentar fazê-lo desistir de sua missão.

O diabo falava de comida, de fama e de exibição de poder. Mas Jesus não era otário, não tendo caído em nenhuma das pegadinhas que o capeta havia preparado. Depois disso tudo, o pé-torto desistiu e o deixou continuar sua caminhada pelo mundo.

Jesus foi teletransportado pra Galiléia novamente, onde já era famoso e cada vez mais pessoas vinham pra conhecê-lo. Como curtia uma polêmica, foi num sábado a um templo e resolveu ler o livro do profeta Isaías pra todos ouvirem. E dizia: "O Espírito do Senhor está em mim, me escolhendo e preparando pra falar coisas boas aos pobres, consertar o coração de quem sofre, ensinar liberdade a quem vive preso, curar os olhos de quem não enxerga o caminho, salvar os que estão sofrendo na mão de outros e avisar a todo mundo que daqui pra frente tudo vai ser diferente."

E completou: "Esse texto tá falando de mim."

A galera toda começou a questionar onde ele tinha aprendido tudo isso, pois todo mundo sabia onde ele morava e quem eram seus pais. E Jesus respondeu: "É sempre esse papo furado né. Querem ver o médico curar a si mesmo como faz com os outros. Vocês sempre valorizam mais o que vem de fora. Igual o povo antigamente fez, perdendo o moral com Deus por se preocupar com besteira."

E os religiosos ficavam putos com essa conversa toda, tendo o levado pro alto de um barranco pra jogá-lo lá embaixo. Jesus, depois de ter sido tão pressionado, simplesmente foi passando no meio dos revoltadinhos e vazou de boa.

Ainda no sábado, foi em Cafarnaum pra ensinar. E todo mundo pirava na sua maneira de falar das coisas de Deus, como se manjasse mais do que os tanga-frouxas dos pastores da época.

Então apareceu um encapetado, gritando feito louco que sabia quem era. E dizia: "Já veio esculhambar a gente Jesus? Dá um tempo pô!". E Jesus sem nem fazer força nem nada expulsava os capetas só falando: "Fecha a matraca e libera o imóvel". E o encapetado ficava liberto na mesma hora.

Os crentes piravam na discussão sobre como é que ele havia conseguido esse poder sobre os capetas. E sua fama aumentava mais e mais.

Saindo do templo, foi Jesus pra cada de Simão tomar um café. Mas a sua sogra tava deitada, com muita febre. Jesus mostrou seu poder igual havia feito com os capetas e, só de falar, a febre da velha sumiu. Doril espiritual instantâneo. Por fim o café ficou pronto rapidão.

No final do dia parecia fila do SUS. Tinha doente de tudo quanto é naipe esperando ele só por a mão pra curá-los. Também tirava os encostos, sempre mandando todos ficarem quietos pra não entregarem quem ele era e o que tava fazendo por ali.

Como sempre tinha um monte de gente na sua cola, tentou evitar os lugares mais cheios. Mas por fim foi viajar por outras cidades, onde também havia gente que precisava ouvir sua mensagem.

Assim acabou indo em tudo quanto era templo da Galiléia.

Ariovaldo Jr - contato@bibliafreestyle.com.br

COMPARTILHE: