João 2

27/02/2013

Depois que passaram dois dias, Jesus e a sua mãe foram chamados para uma festa de casamento. Que diferente do tal “os noivos receberão os cumprimentos na igreja” resolveram dar uma big de uma festa com direito a poder levar os penetras. Pois é, igual aquela festa de igreja, acabou o vinho. A mãe de Jesus reclamou que o vinho acabou e pediu para Ele dar um jeito. Sabe como é, um milagre aqui outro ali que tal fazer o vinho brotar da água? Nessa Jesus responde pra mãe dele que não era hora dele sair do mocó. Mas sabe como é mãe, ela sempre tá disposta a mostrar foto feia, contar seus defeitos e mandar você fazer o negócio de qualquer jeito. A boa senhora manda o garçom cumprir exatamente o que o filho dela iria manda fazer. Rapaz, os caras juntaram um monte de barril de 120 litros, 120 litros malandro! Encheram de água e záz-tráz, virou vinho do porto. Aí o noivo que só tava pagando a conta, foi chamado pelo MC e ganhou um parabéns pela qualidade do vinho. Afinal, em festa com cunhando se serve primeiro patinho, picanha só no final, né não zezão?!

Bom, a festa acabou e Jesus foi para sua casa. Passou um tempo até que chegou o dia das festas dos judeus na cidade de Jerusalém. Nego, naquele dia, Jesus deu uma de rapa. E não adiantou gritar não, ele mandou a voadora. “É que fizeram da casa do Pai casa de negócio.” Fico aqui pensando se Jesus viesse agora, será que bateria na tia da cantina ou no pastor que explora na hora da oferta? Afinal Jesus é a realização da profecia que dizia que o desejo em ver a casa de Deus sempre em ordem seria o motivo da morte dele. Pois é, os discípulos lembrando isso muito tempo depois suspiraram um “Siniiiistro maluco”.

Então, os judeus cheios de mimimi perguntaram pra Jesus: “Ae, o de chicote na mão, qual é? Tá maluco? Você é da prefeitura? É do rapa? Pegou nossas coisas porque? Tomou coca-cola vencida? Se você tem essa autoridade de Deus então dá a prova aí, véi. Senão se manda maluco!”. Aí Jesus respondeu: “Se liga no milagre então mané! Eu vou destruir este templo e em três dias eu levanto tudo de novo!”. Os caras então responderam: “Ah, tá maluco mesmo! Os caras levaram 46 anos para construir e olha que o pessoal garrou noite e dia e você diz que levanta em três dias? Ah doido, fecha a sua matraca!”.

Os caras só foram entender o que aconteceu depois que Jesus ressuscitou. Os marcha-lenta dos discípulos não entendiam que Jesus estava falando dele mesmo.

Rapaz, depois da pá de milagres que Jesus, fez muita gente converteu o coração a Deus e começou a acreditar que ele era o Ungido. Mas sabe como é a parada de ser o Messias. Ele sabia exatamente o que passava no coração da galera e sabia que tinha muita gente ali que era fake.

Guilherme Burjack - burjack@gmail.com

COMPARTILHE: