Hebreus 2

12/07/2017

Por causa disso é bom que prestem bastante atenção nas coisas que temos ouvido para que não se esqueçam ou se desviem delas. Se o que os anjos falaram foi considerado através das gerações e, toda desobediência e pecado recebeu punição necessária, como que a gente vai viver achando que Deus vai pegar leve se não considerarmos tão grande salvação que foi anunciada por Jesus e agora foi confiada a ser transmitida por nós? Deus confirma tudo que ensinamos com sinais, milagres, maravilhas e dons que o Espírito Santo dá.

Não foi aos anjos que deu o privilégio de fazerem sua vontade ser conhecida quanto ao futuro dos homens. Em algum lugar do Antigo Testamento tem uma passagem que diz "que é o homem para que o Senhor o considere?". Somos menores do que os anjos, mas ainda sim o Senhor tem nos coroado através de Jesus com a honra de fazer parte de sua vontade. Se TUDO foi colocado debaixo da autoridade do Filho, isso significa que nada ficou de fora.

Olhando pra realidade às vezes pode parecer que nem tudo está debaixo de seu controle, mas Jesus foi corado de honra e glória quando também se fez homem (menos que os anjos) por ter desejado sofrer até a morte em nosso lugar, para que, pelo favor que Deus desejava fazer por nós, provasse a morte por todos.

Era conveniente que aquele que recebeu domínio sobre todas as coisas e inclusive criou tudo, tivesse a oportunidade de trazer muitos filhos à sua glória e se tornasse o príncipe da salvação destes. O que faz dele santo também santifica cada um dos que estão com ele, de modo que o Filho não tem vergonha de nos chamar irmãos. Ele mesmo dizia "Anunciarei ao Pai aos meus irmãos e, assim, cantaremos louvores na vida da Igreja". Deus também diz: "Coloquei nEle toda a minha confiança, e Ele estará aqui comigo trazendo pra mim muitos filhos".

Assim como os filhos são da família por causa de terem a mesma carne e sangue que a gente, Ele também se fez participante em carne e sangue na nossa existência mortal para que por sua morte aniquilasse o diabo com seu império. Ele nos livrou do medo da morte que tínhamos por toda a vida por sermos escravos.

Deus não fez tudo que queria através dos anjos, mas através da família de Abraão. Por isso convinha que Ele fosse igual aos seus irmãos, pra ser misericordioso e o maior sacerdote das coisas que Deus, fazendo sacrifício pelo pecado do povo. E naquilo que ele mesmo sofreu e foi tentado, tem agora autoridade para socorrer os que sofrem.

Por Ariovaldo Jr

COMPARTILHE: