Atos 6

27/03/2013

Quando a Igreja cresceu, algumas viúvas que eram estrangeiras passaram a ser desprezadas pelos que eram "da cidade". Vendo isso, alguns reclamaram pra que essa situação fosse resolvida. Os apóstolos reuniram a todos e disseram que não fazia sentido eles deixarem de ensinar as coisas de Deus pra ficar cuidando de coisas administrativas. Quem dera hoje em dia houvessem pastores que também preferissem nem mexer com dinheiro, né?

Fizeram uma assembléia para que a Igreja escolhesse entre si sete homens de boa reputação e que sejam cheios de sabedoria e do Espírito Santo, pra que estes cuidassem da administração dos recursos pra haver justiça com todos os necessitados. Os escolhidos eram Estevão, Filipe, Prócoro, Nicanor, Timão (êêê corinthians que tá até na bíblia!), Parmenas (não, não é palmeiras!) e Nicolau. Os apóstolos então colocaram a mão sobre eles e os abençoaram a fazer o serviço.

O número de pessoas na Igreja só crescia. E o conhecimento a respeito da palavra de Deus também. Até mesmo vários sacerdotes da velha religião acabaram abraçando a fé. Nesse tempo Estevão, que era um homem cheio de fé e poder, fazia sinais sinistros no meio do povo.

Quando alguns religiosos xiitas extremos tentaram bater boca com Estevão, levaram uma surra. Então arrumaram umas falsas testemunhas pra dizer que ele havia dito coisas heréticas, pra poderem levá-lo preso. Dito e feito, Estevão foi levado pra interrogatório.

Lá começaram a falar um monte de mentiras sobre ele ter dito coisas contra Moisés e Deus. Mas quando os do conselho olharam pra Estevão, ele parecia um anjo de tão inocente. Só consigo imaginar quando eu quebrei um vaso da minha mãe e depois fiquei igual um anjo pra não dar bandeira. Mas ao contrário de mim, Estevão era inocente.

Ariovaldo Jr - contato@bibliafreestyle.com.br

COMPARTILHE: