2 Corinthians 9

13/03/2014

Tenho certeza que não preciso ficar falando sobre a ajuda financeira aos irmãos agarrados no serviço, porque tô ligado no quanto vocês sempre estiveram prontos pra ajudar. Inclusive fiz mó propaganda de vocês pros macedônios sobre isso, sobre como Acaia já está pronta desde o ano passado e sobre como muita gente passou a contribuir por ter visto vocês fazerem.

Mas de qualquer forma mandei esses brothers aí pra que a propaganda que a gente fez da atitude de vocês não seja enganosa. É apenas pra vocês estarem prontos mesmos caso os macedônios vierem comigo. Tudo pra evitar a vergonha de ser pego desprevenido nesse fundamento tão importante.

O que eu pedi aos irmãos é que fossem até aí pra adiantar a conversa e para que as ofertas estivessem prontas quando forem necessárias. Porque se deixar pra ver isso quando o negócio apertar, aí vai parecer que a bênção se tornou pão-durice.

Mas que fique claro que cada um vai colher aquilo que semear. Sabendo disso, que cada um oferte de acordo com o que propôs no coração, não com constrangimento ou porque há necessidade, mas com a consciência de que Deus ama a atitude consciente de doar em alegria.

E Deus tem toda a capacidade para fazer sobrar na vida de vocês a graça, pra que não apenas nunca o básico para si mesmos, como também possam fazer o que é bom para com os demais. Tipo o que já estava nas antigas Escrituras: Aquele que dividiu com os pobres tem sua atitude de justiça lembrada para sempre.

Que aquele que dá semente ao que planta também dê pão para vocês comerem. E que as sementes que foram confiadas sejam multiplicadas, de modo que a tenham com o que fazer mais justiça para com os que precisam. Pra que vocês enriqueçam para fazer mais o bem, atitude que leva mais pessoas a darem graças a Deus por nós.

Entender a importância de servir desta forma não apenas supre a necessidade dos que estão agarrados no serviço do Reino, mas também produz muitas graças a Deus por parte de todos. Todo mundo vê na prática a necessidade de glorificarem a Deus por serem constrangidos pela submissão de vocês ao Evangelho, além da generosidade de repartirem todos os dons que receberam.

E também todos glorificam a Deus pela saudade que possuem de vocês, lembrando sempre em oração da graça que cada um aí tem.

Graças a Deus pelo dom de vocês. Nem tenho palavras para expressar o quanto isto é importante!

Ariovaldo Jr - contato@bibliafreestyle.com.br

COMPARTILHE: