1 Corinthians 9

07/08/2013

Eu não sou apóstolo? Não sou livre? Eu não vi Jesus Cristo pessoalmente? Vocês não são fruto do meu trabalho em Deus? Se eu não sou apóstolo pros outros, pelo menos pra vocês eu sou. Vocês são a confirmação disso. Essa é a minha defesa para os que me condenam.

A gente não tem direito de comer, beber, casar os com uma mulher crente assim como os demais apóstolos, os irmão de Jesus e Pedro? Ou só eu e Barnabé é que não temos direito de deixar de trabalhar? Quem que nunca luta gastando o que tem? Quem planta uva e não come os frutos? Quem cria gado e não bebe leite?

Por acaso tô falando algo que é conforme a lei humana? Pois a lei de Moisés diz o mesmo quando afirma que não devemos tampar a boca do boi enquanto ele pisa os grãos. Acham mesmo que Deus falou isso por causa de bois? Claro que ele tava falando era de nós. Quem planta tem que fazer o trabalho com esperança. E quem colhe, com a esperança de ser participante da colheita.

Se a gente semeou coisas espirituais, é pedir muito que a gente colha coisas carnais? Se os outros tem o poder de receber estas coisas de vocês, por que nós não teríamos? Mas mesmo tendo este direito, preferimos não utilizá-lo, para não atrapalharmos o evangelho de Cristo.

Os que administram as coisas sagradas no templo, comem do que é apresentado lá. Eles se alimentam do altar. E da mesma maneira o Senhor ordenou que os que anunciam o Evangelho vivam do Evangelho. Mas eu nunca usei dessas coisas em meu favor, e nem estou escrevendo para que comecem a me sustentar. Porque seria melhor morrer do que alguém anular esta minha glória de não depender de sustento.

Se eu anuncio o Evangelho não faço nada além da minha obrigação. E ai de mim se não o fizer. Mas se eu faço isso de boa vontade, receberei prêmio de Deus. Se faço de má vontade, estão é apenas mais um serviço. Sabe que prêmio eu tenho? Ao ensinar o Evangelho faço isso de graça, para não abusar do meu poder no evangelho. Sendo livre de todos, me fiz escravo de todos para ganhar ainda mais. Me fiz e judeu pra alcançar os judeus. Me submeti à lei pra alcançar os da lei. Me fiz sem lei (não sendo na verdade sem lei, porque agora vivo na lei de Cristo) pra alcançar os sem lei.

Me fiz fraco pra alcançar os fracos. Fiz tudo que era possível para por todos os meios conseguir salvar alguns. E faço isso por causa do Evangelho, pra também ser participante dele.

De todos os que correm no atletismo, só um ganha a medalha de ouro. Então corram de maneira que vocês sejam o premiado. Quem treina se abstém de muitas coisas. Eles fazem tudo isso pra ganhar uma medalhinha safada que vai enferrujar com o tempo. Mas nós corremos para ganhar uma medalha que nunca se corrompe.

É assim que eu corro, sabendo pra onde estou indo. Assim luto, não dando socos no ar, mas acertando os golpes certos no UFC da vida. Eu submeto meu corpo a escravidão, pra que pregando a outros, eu mesmo não venha a ser desqualificado.

Ariovaldo Jr - contato@bibliafreestyle.com.br

COMPARTILHE: